Cabecera Agrovin
A aplicação dos próprios agentes de conversão de mosto em vinho. Enologia » Leveduras Tintos
Leveduras Tintos

A aplicação dos próprios agentes de conversão de mosto em vinho, as leveduras, enaltecem as particularidades varietais, aromáticas ou mesmo regionais de variedades e tipos de elaboração, uma vez que minimizam riscos de fermentação. A Agrovin põe a sua disposição uma grande variedade de estirpes escolhidas pelas suas aptidões e características fermentativas, adaptadas aos possíveis estilos de vinho a elaborar, com respeito ao perfil aromático e gustativo, temperaturas de trabalho, necessidades de azoto, influência na cor e rendimento alcoólico, entre outras.

Agrovin tem apostado nos últimos anos pela seleção de leveduras autóctones adaptadas aos processos de vinificação das nossas latitudes, com diversos centros de reconhecido prestígio mundial no campo da Microbiologia Enológica: Universidad Politécnica de Madrid (UPM); Consejo Superior de Investigaciones Científicas (CSIC), Australian Wine Research Institute (AWRI):

Na continuação estão detalhadas as propriedades de cada estirpe, clique sobre cada referência para obter mais informação:

 

   Estirpe Tipo de Vinho Temperatura de Trabalho Rendimento alcoólico Perfil aromático Resistência etanol
VINIFERM 3D 18-28 médio varietal 15
VINIFERM RVA 16-28 baixo varietal 16
VINIFERM CARÁCTER 16-28 baixo ésteres 15
VINIFERM SENSACIÓN 15-28 elevado ésteres 14
VINIFERM CT007 14-30 elevado varietal 15
VINIFERM TTA 18-28 médio ésteres 14
VINIFERM AURA 12-30 elevado ésteres 16
VINIFERM KLR 12-30 elevado neutro 16
VINIFERM 522 18-30 elevado neutro 14
VINIFERM START 14-30 baixo neutro 17